Vitalumière Aqua da Chanel: resenha

Achar a base da vida é um marco na vida de toda mulher e eu achei a minha! Uso já faz alguns anos (mais de 5 anos) a Vitalumière Aqua da Chanel e toda vez digo que vou postar e não posto a resenha dela. Dessa vez saiu e tá aqui a prova haha.

 

Tenho a pele mista (mais pra seca) e moro em Belém. Ou seja, muito úmido, muito quente, suamos demais e bases pesadas confesso que não combinam com este clima. A não ser que passe o dia inteiro no ar condicionado. O que não é meu caso.

Além do clima, também tem o fato de base pesada rapidamente craquelar. Mesmo usando hidrante, por eu ter a pele mais seca. E quem gosta de usar algo que incomoda? Eu não suporto.

Vi muitas blogueiras anos atrás indicando a Vitalumière Aqua da Chanel e resolvi investir. Deu tudo certo! Acertei a base e a cor sem comprar pessoalmente e desde então confesso não me adaptar a nenhuma outra.

Só tenho pontos positivos para falar dessa base! A embalagem é maravilhosa porque é de plástico, leve, a tampa é de enroscar (fecha super bem), ou seja, ótima pra colocar na bolsa e levar em viagens. A “boca” dela é perfeita, pois parece muito de embalagem de colírio e só sai o essencial. Nada de desperdício.

 

A base é leve, ou seja, não recomendo para quem tem muitas manchas e queira esconder. Não é mate, mas ela fica como uma segunda pele tão perfeitamente que apenas deixa a pele com viço e não transfere quase nada depois de seca na pele.

Gosto dessa base porque eu não sinto que estou de base e eu não suporto sentir meu rosto repuxado e nem encostar em algo e ver metade da base saindo! Ela tem um sistema que além de ser leve, com pouco produto consegue disfarçar minhas imperfeições e bastante as minhas olheiras. Como minhas olheiras são fortes costumo usar o corretivo Pro Longwear da MAC e só.

 

Ela tem 30 ml, FPS 15 e um cheirinho de perfume gostoso que desaparece logo depois de depositada na pele. Ou seja, não incomoda quem tem problemas com perfumes (eu). A minha cor é a 30 Beige.

Comprei a minha fora do Brasil e custou 50 dólares + taxa. Porém, vende no Brasil no site oficial da marca Chanel e custa R$270.

Beijos,

Thálita Montenegro é formada em licenciatura plena em pedagogia, pós-graduada em Educação Especial e professora. Criou o blog Thah de Pavulagem em 2011 por amar escrever e compartilhar suas experiências. Paraense, 27 anos, sagitariana, louca por livros, academia e tudo do universo feminino

VEJA TAMBÉM

Balneário Lagoinha

Eita! Que saudade eu tava de gravar pro blog! Nosso primeiro vídeo já é assim: um Thah Pavulando! O primeiro foi sobre a Ilha do Combú, vale a pena conferir também. Hoje vocês irão conhecer o Balneário Lagoinha que fica em Santa Bárbara.

Por não ter muita sinalização na estrada não é muito fácil de chegar lá, mas as pessoas ajudam muito e o Google Maps também. A estrada é de terra, mas não soltou muita poeira. Fomos inclusive com as janelas abertas.

O lugar é simples, mas muito aconchegante. É importante dizer que a entrada é 5 reais por pessoa e é pago na entrada. Fomos muito bem recepcionados pelos donos do local.

Não pega sinal de celular, nem internet. Por esta razão não aceitam cartão. Tudo é pago no dinheiro. Coloquei no vídeo a foto do cardápio, então dá pra calcular quanto em média irão gastar por lá.

Sou apaixonada por lugares diferentes e o balneário Lagoinha me encantou. O igarapé foi represado formando uma piscina natural. Não é muito funda, mas confesso que a água é gelada.

A música que toca lá é regional. Bregas antigos que adoro tocam em maioria em um volume bem agradável. Nada que assuste o visitante!

Não se pode levar comidas e bebidas, ou seja, só pode consumir no local. Também não pode brincar de bola na piscina/igarapé o que é maravilhoso para as crianças menores brincarem em segurança.

A comida é simples, mas bem feita. De entrada pedimos a macaxeira frita e almoçamos o peixe que acompanhava arroz branco, feijão e vinagrete. Estava tudo gostoso.

Algo bem pensado foi eles terem feito banheiros e vestiários. Isso evita formar fila nos banheiros. Né, mulherada?

Não achei um lugar lotado, ainda mais que fomos em época de férias. Porém, um rapaz que trabalha lá disse que aos finais de semana dá bastante gente.

Espero que tenham gostado da dica e caso tenham mais alguma dúvida deixem nos comentários!

Beijos,

Thálita Montenegro é formada em licenciatura plena em pedagogia, pós-graduada em Educação Especial e professora. Criou o blog Thah de Pavulagem em 2011 por amar escrever e compartilhar suas experiências. Paraense, 27 anos, sagitariana, louca por livros, academia e tudo do universo feminino

VEJA TAMBÉM

Perfume da Hello Kitty by Zara

A pessoa é louca e alucinada pela Hello Kitty e quando vê qualquer coisa dela já quer comprar. Inclusive tatuar ela era uma das vontades que eu tinha/tenho. Hoje venho falar, então, sobre o perfume da Hello Kitty by Zara.

Já tinha visto esse vidrinho em um Instagram brasileiro, porém a moça falou que era da Zara Européia e realmente eu nunca tinha visto ele por aqui (amo a Zara). Semana passada fui conferir a promoção e passei pela parte das roupas das crianças e no caixa estava esse vidrinho lindo me esperando! Comprei, claro!

Confesso que trouxe mais por ser da Hello Kitty, mas a fragrância é muito gostosa. É um Eau de Toilette (EDT) floral frutal (sou a louca dos florais frutados) e as notas são: bergamota, pera, maçã, jasmim, peônia e cedro. Sério, a gente cheira a pós banho docinho suculento!

De inicio a gente sente muito o álcool, mas depois ele senta e vem deliciosamente o floral pra no final ficar as notas frutadas. Ele não exala, fica rente a pele como um perfume de criança tem que ser e não tem muita fixação como um EDT geralmente é. Mesmo assim dá pra notar que é sim um perfume bem elaborado para o público infantil.

Me surpreendi sinceramente com a fragrância e caso eu tivesse uma filha escolheria ele para ela, para abraçar o tempo inteiro e ficar sentindo esse cheirinho nela. Esta fragrância faz a gente lembrar uma criança feliz, cheirosa e bem arrumada. Criança doce com cheiro de chiclete.

O frasco tem 50 ml e custa aqui no Brasil R$55. O prazo de validade é de 36 meses, lembrando de deixar sempre em lugares arejados e sem iluminação direta. Achei o preço salgado, poderia ser mais conta. Porém ainda assim vale o investimento.

Quando forem por lá experimentem mesmo se não tiverem criança na família. E se tiver, é um belo presente!

Beijos,

Thálita Montenegro é formada em licenciatura plena em pedagogia, pós-graduada em Educação Especial e professora. Criou o blog Thah de Pavulagem em 2011 por amar escrever e compartilhar suas experiências. Paraense, 27 anos, sagitariana, louca por livros, academia e tudo do universo feminino

VEJA TAMBÉM

5 Filmes para assistir #5

Vamos começar Julho com um dos meus quadros favoritos do blog: 5 filmes para assistir 5! Sim, esse é o post de número 5, então se gosta desse tipo de post, procura pelos outros porque vale super a pena! Vamos então aos filmes indicados:

1 – O lado bom da vida (Silver Linings Playbook) – 2013
Amei este filme! Conta a história de duas pessoas que por motivos parecidos estão passando por dificuldades em todos os campos da vida. Gostei muito por tirar aquela visão perfeita das pessoas e do amor. Dizem que a loucura e o amor são próximos e a gente consegue enxergar com clareza nesta história de forma bem divertida.

Em alguns momentos o clima fica mais dramático mostrando a fraqueza também daqueles que estão ao redor dos atores principais.

2 – Sentimentos que curam (Infinitely Polar Bear) – 2015
Este filme também fala sobre imperfeição no amor! Gosto muito de filmes assim! Porém, este me encantou pela pureza com que é mostra a depressão. Além da depressão o filme mostra outros assuntos como o preconceito e o feminismo/machismo.

É muito belo e diferente do filme anterior por ser um drama, ou seja, mais sério. Confesso que gostei muito do nome do filme em inglês fazendo referência a doença pouco entendida pela filha caçula que chama de “polar bear”. Muito sensível e comovente nos envolve verdadeiramente.

3 – O cara perfeito (The Perfect Guy) – 2016
Filme deste ano e adorei! Nada a ver com os filmes anteriores, ainda assim fala de relacionamento. O filme mais próximo a ele foi o Garota Exemplar, porém esse tem mais suspense.

Fala sobre algo que nós mulheres passamos muito: assédio. Leah tem 36 anos e namorava Dave, porém ele não queria casar. Separam e ela acabou conhecendo Carter que parecia ser o homem perfeito. Quando ela percebe que o jeito protetor dele parece algo mais sério, termina e sua vida sai dos eixos.

4 – O noivo da minha melhor amiga (Something Borrowed) – 2011
Quando comecei assistir disse pra mim mesma: mais uma comédia romântica clichê. Realmente é, porém tem uma pegada a mais. Não é daqueles filmes massantes.

Como o próprio nome do filme em português diz a história é de duas melhores amigas e a que não é a noiva acaba transando com ele. Como ela é a madrinha de casamento muita coisa acontece até final do filme. Falei final? Bom… Assistam que vale a pena.

5 – Boa Sorte – 2014
Filme brasileiro, forte, mas muito pedagógico. Amor, família, drogas, juventude, Aids, vida e morte. Indico para principalmente todos os pais assistirem.

João e Judite estão internados em uma clinica psiquiátrica e acabam se apaixonando. Entretanto, Judite é HIV positivo em fase terminal e tem medo de morrer e atrasar a melhora do João. Muito critico a ponto de me fazer ficar feliz em assistir. Recomendo.

Já assistiram algum desses filmes? Me contem depois se viram  e se gostaram ou não. Nem acredito que ainda estamos no 5 filmes para assistir 5, mas vou postar mais agora das férias.

Beijos,

Thálita Montenegro é formada em licenciatura plena em pedagogia, pós-graduada em Educação Especial e professora. Criou o blog Thah de Pavulagem em 2011 por amar escrever e compartilhar suas experiências. Paraense, 27 anos, sagitariana, louca por livros, academia e tudo do universo feminino

VEJA TAMBÉM

Hidratante Miss Dior: resenha

Estou com quase 30 anos e em uma fase em que quero mudar a forma como as pessoas me enxergam. Me sinto ainda muito menina e além de uma mudança no guarda roupa achei necessário mudar também o meu cheiro. Por isso hoje venho falar sobre o hidratante Miss Dior.

Invejo demais as pessoas que tem um perfume como sua assinatura e quero muito isso pra mim neste momento. Porém, moro em Belém e aqui sinto que ainda estamos muito atrasados, pois não temos um lugar especifico que venda uma variedade significativa de perfumes. Portanto, fui atrás de nossos maravilhosos youtubers e do site Fragrântica para ter ideia do que comprar e não comprar.

Fui atrás principalmente de perfumes femininos da casa Chanel e Dior que já tinha uma ideia do quão maravilhosos eles são. A primeira compra, então, foi este hidrante Miss Dior porque eu queria sentir se o cheirinho era tudo isso que diziam. Não investi logo no perfume por sentir medo do patchouli que sinto que deixa os perfumes com cara de vó haha.

De acordo com a Fragrântica a nota de topo é Tangerina italiana, as notas de coração são Jasmim egípcio e Rosa e as notas de fundo são Patchouli ou Oriza e Almíscar. Sinto muito o patchouli nesta fragrância! O que faz deixar ele forte.

É um cheiro marcante, amadeirado, quente e muito chic. Enxergo uma mulher independente, bem sucedida, bem vestida, sem preocupações e bem resolvida usando ele. Ou seja, resumindo é um ‘perfume’ sério e quem tá acostumada com perfumes doces menininha (como eu) vai estranhar de primeira.

Não sei se compraria o perfume Miss Dior, porque moro em Belém e aqui acho muito complicado usar perfumes fortes mesmo a noite. Sinto que para cá já seria o suficiente o hidratante, porque não machuca olfato alheio mesmo sendo forte. Na minha pele fixou muito bem me deixando cheirosa e hidratada o dia inteiro.

Só tenho coisas boas para falar da textura! Não gosto de hidrantes duros/grossos que são difíceis de espalhar e ele é emoliente na medida certa. Também não gosto de hidratantes que deixam a gente preguenta/suada e ele deixa a pele sequinha e aveludada mesmo depois de 12h.

A embalagem também é maravilhosa por ser de plástico e resistente. Isso facilita levá-lo em viagens!

Valeu cada centavo que investi! Comprei o meu na Sépha com 200 ml e custou R$250 e frete grátis.

Beijos,

Thálita Montenegro é formada em licenciatura plena em pedagogia, pós-graduada em Educação Especial e professora. Criou o blog Thah de Pavulagem em 2011 por amar escrever e compartilhar suas experiências. Paraense, 27 anos, sagitariana, louca por livros, academia e tudo do universo feminino

Comentar -
Compartilhar
0

VEJA TAMBÉM