WordPress.org e WordPress.com: qual a diferença?

Se tu não sabias que existia essa diferença, acredite que eu também não! Fui saber quando decidi que mudaria o blog da plataforma Blogger pro WordPress que também tem post no blog. Hoje, porém, falaremos sobre a diferença entre WordPress.org e WordPress.com .

wordpress

Eu conhecia o WordPress.com que por sinal eu tinha conta há alguns anos por lá, mas achava diferente do que via algumas blogueiras comentando e fui pesquisar. Assim, achei o WordPress.org e a dúvida entre qual dos utilizar foi grande. Então, vamos as diferenças entre eles:

O WordPress.com é uma plataforma grátis como o Blogger, porém tem como pagar por planos e assim conseguir profissionalizar o blog colocando, por exemplo, um domínio e mudando o layout para um personalizado.  Muito fácil de usar como o blogger, porém é limitado e caro.

Ele oferece o plano ‘free’ que como o próprio nome já diz é grátis, mas em compensação não pode usar um domínio próprio e nem pode ter layout personalizado; o plano ‘pessoal’ em que pagas $5.99 por mês para poder ter um domínio próprio; plano ‘premium’ que custa $8.25 por mês para ter seu próprio domínio, opções de personalização, monetização fácil com o WordAds e espaço para áudio e vídeo e o plano ‘negócios’ que custa $24.92 por mês e oferece todos os recursos do plano Premium, além de suporte por chat ao vivo e acesso ilimitado aos temas premium.

O WordPress.org é o site de desenvolvimento do WordPress que você precisa pagar uma hospedagem onde quiser para ter acesso ao HTML, CSS, plugins, idiomas, etc e pagar também um domínio próprio. Sim, ele é bem mais complicado do que o WordPress.com e o blogger e também não é barato de iniciar e manter. Entretanto, temos o controle completo do blog.

O Thah de Pavulagem está no WordPress.org e comprei a hospedagem e o domínio no Hostgator. Não me arrependi da escolha e além de tudo eles tem a opção de pagar o plano trienal (desconto). Pra completar é uma empresa brasileira!

A instalação do Wordspress.org consegui fazer sozinha, comprar o domínio e pagar a hospedagem também, porém não consegui fazer o layout e acho super complicado de editar, tanto que até evito. Então, contratei uma profissional para isso e todas informações estão neste post AQUI.

Sei que mesmo explicando é um pouco complicado de entender, mas caso tenha alguma dúvida deixe nos comentários que responderei com muito carinho.

Beijos,

Thálita Montenegro é formada em licenciatura plena em pedagogia, pós-graduada em Educação Especial e professora. Criou o blog Thah de Pavulagem em 2011 por amar escrever e compartilhar suas experiências. Paraense, 27 anos, sagitariana, louca por livros, academia e tudo do universo feminino

VEJA TAMBÉM

Tailored to Tease – MAC Cosmetics

Vocês já estão cansadas de saber que eu amo batom liquido e que eu não canso de comprar outros para testar. Este foi o último que comprei e lutei muito pra não comprar afinal já tenho tantos! Até que vi uma foto do batom Tailored to Tease no Instagram e não aguentei.

thah-de-pavulagem-tailored-to-tease

A embalagem é muito resistente! Além disso muito bonita e por ser transparente mostra a cor real do batom, o que facilita muito na hora de escolher um batom pra usar, né? Quem tem mais do que 20 batons sabe como é!

Um ponto muito estranho pra mim foi o pincel. Achava que eu não iria me adaptar, pois ele parece uma pá. Largo de um lado e mais fino de outro. Porém, foi puro amor!

O lado mais fino é ótimo para contornar os lábios e o mais largo é ótimo para preencher. Ou seja, em um piscar de olhos o batom está perfeito nos lábios não necessitando corrigir com o cotonete e corretivo. De primeira eu acertei passar o batom!

thah-de-pavulagem-mac-matte2

Quanto ao cheiro a MAC tentou usar o cheiro característico dos batons em bala, mas na minha opinião tá bem mais leve. O que me agradou muito. Só sente se cheirar mesmo o batom.

Quanto a cor achei sim bem parecida com o já muito conhecido e amado Flat Out Fabulous também da MAC. E pra matar a curiosidade claro que bati uma foto comparativa entre eles pra vocês. Se restava dúvidas, eles são sim o mesmo batom.

O batom em si é super pigmentado e desliza nos lábios! Sabe aquele incomodo que dá quando a gente coloca alguns batons líquidos que a boca repuxa? Ele não faz! Pelo contrário, deixa super macia.

Outro ponto positivo é que ele não transfere! Um dos testes foi em um jantar. Beijei o namorado, não transferiu e consegui tirar com o papel antes de comer sem manchar os lábios e ao redor.

O lado negativo? O preço! Achei um pouco salgado dar R$89. Porém, por todos os lados positivos já citados neste post acredito que tenho valido a pena.

Gostaram? Já compraram algum dos batons líquidos Retro Matte Liquid Lipcolour da MAC? Me contem o que acharam.

Beijos,

Thálita Montenegro é formada em licenciatura plena em pedagogia, pós-graduada em Educação Especial e professora. Criou o blog Thah de Pavulagem em 2011 por amar escrever e compartilhar suas experiências. Paraense, 27 anos, sagitariana, louca por livros, academia e tudo do universo feminino

VEJA TAMBÉM

Vestido camisa de 10 reais: look

Ano passado fiz um post com uma loja aqui em Belém que vende roupa por 10 reais e vocês adoraram. Esse final de semana dei uma passada lá e acabei comprando um vestidinho que está super na moda. Hoje venho mostrar meu look com vestido camisa de 10 reais.

thah-de-pavulagem-vestido-10-reais

Quando vi me apaixonei e como fez bastante sucesso no Instagram, resolvi fazer um post com ele! Usei no domingo para bater perna no shopping. Super confortável!

Para compor o look escolhi um tênis branco da Reebok que também está na moda, uma bolsa tiracolo também do comércio que custou 30 reais e um brinco que estou apaixonada bem coloridinho. Sim, tudo bem baratinho!

O vestido camisa tá uma febre e encontramos de vários preços e lugares. Comprei alguns camisões de R$20 reais que em lojas online estão por R$60. O negócio é pesquisar!

Gostaram? Para quem for daqui vale a pena ir lá e garimpar!

Beijos,

Thálita Montenegro é formada em licenciatura plena em pedagogia, pós-graduada em Educação Especial e professora. Criou o blog Thah de Pavulagem em 2011 por amar escrever e compartilhar suas experiências. Paraense, 27 anos, sagitariana, louca por livros, academia e tudo do universo feminino

Comentar -
Compartilhar
0

VEJA TAMBÉM

No poo e Low Poo: dicas iniciais

És cacheada, crespa ou tem o cabelo muito ressecado? Com apenas alguns truques e técnicas o seu cabelo pode ficar muito lindo sem precisar de química. As técnicas No Poo e Low Poo são excelentes aliadas.

thah-de-pavulagem-no-e-low-poo

Já tem um post aqui no blog de 2012 sobre o Cronograma Capilar – CC – que faço uso faz 8 anos. No final de 2008 inventei de fazer luzes no cabelo, eu não sabia nada sobre cuidar e meu cabelo ficou muito ruim. Pesquisando na internet encontrei informações sobre o CC e meu cabelo mudou do vinho pra água. Nunca mais deixei de fazer.

Quero ressaltar que não faço uso nem da técnica Low e No, porém uso muitos produtos liberados para elas e meu cabelo gosta bastante. Por esta razão achei interessante trazer mais informações para quem busca um cabelo natural e muito mais bonito.

A técnica No Poo, como o próprio nome já diz, não faz uso de shampoo! Sim, mas ele será lavado através do co-wash que já explico! Além disso os produtos usados não contém substâncias nocivas que acumulam no fio dando falsa impressão de hidratação como parafina, petrolatos e silicones insolúveis.

Exemplo: máscara Monange (embalagem rosa, laranja e a roxa extra perfume), máscara Morte Súbita da Lola, máscara Moroccanoil Restorative, máscara Natura Ekos de Castanha, máscara Milagre da Lola, máscara Crece Pelo, máscara Inoar Doctor (Nutrição, hidratação e reconstrução)

Co-wash é a forma de limpar os cabelos para quem faz uso do No Poo. O produto usado para essa limpeza é o condicionador que contém em sua fórmula o Anfótero, por exemplo. Condicionadores limpam por conter em sua fórmula ativos como Cocamidopropyl Betaine/Cocobetaine.

Sim, o condicionador para o co-wash é diferente do condicionador para selar as cutículas! Para esta técnica serão usados dois condicionadores diferentes.

Exemplo: Co-wash e Yamasterol amarelo da Yamá, condicionador Natura Mamãe e Bebê.

A técnica Low Poo (low: pouco; poo: shampoo) faz uso de shampoo, porém sem sulfato em sua composição. É excluído também dele e dos outros produtos substâncias nocivas e que acumulam nos fios como os já citados acima.

Exemplo: máscara Monange (reconstrutor, proteção da cor, proteção térmica e prevenção a queda), máscara Dream Cream da Lola, máscara Gold Black e Anti Idade da Amend, Moroccanoil Hidratação Intensa (tampa marrom), máscara Natura Sou (cor intensa, hidratação protetora, recuperação intensa, cachos modelados, liso longa duração), shampoo Less Poo da Yamá, shampoo Super Star, Curly Wurly, Crono, Kiss me, Be Happy e Creoula da Lola.

Thálita, mas qual técnica devo usar? Isso depende de cabelo para cabelo. Porém, a maioria das pessoas opta por começar com o Low Poo por ser menos restritivo e ter mais variedade de produtos no mercado. Lembrando que coloquei apenas alguns produtos liberados, olhem sempre a composição do produto.

Dúvidas? Deixem nos comentários!

Beijos,

Thálita Montenegro é formada em licenciatura plena em pedagogia, pós-graduada em Educação Especial e professora. Criou o blog Thah de Pavulagem em 2011 por amar escrever e compartilhar suas experiências. Paraense, 27 anos, sagitariana, louca por livros, academia e tudo do universo feminino

VEJA TAMBÉM

5 Filmes para assistir #3

Gosto muito dessa categoria do blog e em cada post tento trazer uma variedade maior de filmes! Eu adoro dicas e esse é a nossa dica de filmes para assistir no fds 3! Caso assistam algum filme depois da indicação, por favor, conte! É sempre bom receber o feed back.

thah-de-pavulagem-filmes-para-assistir-3

1 – Lucy (Lucy – 2014)
Pensem em um filme maravilhoso! Eu pensei inclusive que já tinha visto por causa da questão com as drogas, mas infelizmente não tinha visto! Não sei como pude passar tanto tempo sem este filme! Pra que gosta de filmes mostrando a força da mulher, recomendo! Me surpreendeu!

É um filme de Ficção Cientifica com muita violência. Eu assisti de madrugada e deu ainda mais emoção! Lucy é uma garota comum que não pensa no futuro, nos estudos e se envolve com um cara babaca que a obriga a entregar uma pasta sem saber  o conteúdo em um prédio. A vida dela tem uma reviravolta e muitas coisas acontecem.

2 – Um corpo que cai (Vertigo) – 1958
Filme muito antigo, mas achei super interessante! Excelente para estudar inclusive história, pois nos mostra Nova Iorque antiga, o machismo e também como eram tratadas as pessoas que sofriam obsessão.

A história se passa em São Francisco. O detetive aposentado John tem muito medo de altura e encontra com um velho amigo que pede que siga a sua esposa Medelaine e ele aceita o trabalho a contragosto. A esposa demonstra uma fixação por lugares altos o que o faz acreditar que ela é louca.

3 – O preço do amanhã (In Time) – 2011
Pensei que depois de Lucy eu não veria mais um filme tão bom em pouco tempo, mas me enganei! É um filme de ficção que no inicio, ao menos pra mim, foi um pouco difícil de encaixar. Muito louco!

A história se passa em um futuro próximo e para evitar a superpopulação o envelhecimento é controlado tornando-se assim o tempo a principal moeda. Com isso é lógico que os ricos vivem mais do que os pobres que por sua vez vivem em média até a faixa dos 25 anos. O pobre Will acaba recebendo uma grande quantia (tempo) e passa a ser perseguido por um crime que não cometeu. Para sobreviver, então, ele sequestra Sylvia.

4 – Interestelar ( Interstellar) – 2014
Dentre todos os filmes envolvendo o espaço este é o meu preferido! O filme fala sobre fim do planeta Terra, egoismo, amor a família e a ciência. Chega uma fase da vida que a gente tem que escolher entre ser o que queremos e o que precisamos e nem sempre é uma escolha que fazemos aos 17 anos quando passamos no vestibular. Este filme nos mostra isso. Segue a sinopse:

Após ver a Terra consumindo boa parte de suas reservas naturais, um grupo de astronautas recebe a missão de verificar possíveis planetas para receberem a população mundial, possibilitando a continuação da espécie. Cooper (Matthew McConaughey) é chamado para liderar o grupo e aceita a missão sabendo que pode nunca mais ver os filhos. Ao lado de Brand (Anne Hathaway), Jenkins (Marlon Sanders) e Doyle (Wes Bentley), ele seguirá em busca de uma nova casa. Com o passar dos anos, sua filha Murph (Mackenzie Foy e Jessica Chastain) investirá numa própria jornada para também tentar salvar a população do planeta.

5 – Um anel para você (With this ring) – 2015
Casar sempre foi um sonho pra mim e este filme fala justamente sobre isso! Três amigas acham que estão velhas demais pra esperar pela pessoa certa e fazem um pacto de se casarem em um ano sem pensar nas consequências, no futuro, caso casem com qualquer um. Mesmo sendo um assunto sério, o filme trata com tudo com muita delicadeza e comédia.

Depois de assistir o seu amigo de Elise (Sudano) casar na véspera de Ano Novo, Trista (Hall), uma agente de talentos orientados a carreira, Viviane (Scott), um colunista de fofocas de sucesso, e Amaya (Cooper), uma atriz lutando, fazem um pacto para casar-se dentro de um ano, quer um novo amor ou um homem à espera nos bastidores. Mas os amigos próximos enfrentam seu próprio conjunto de desafios – Trista não tenha superado seu compromisso-fóbica ex-namorado Damon (Branco), Viviane é secretamente apaixonado por Sean (George), o pai de seu filho, e Amaya está desesperado para acabar com o namorado Keith (Sanders) casamento infeliz que eles possam viver felizes para sempre. Filme Um Anel Para Você Cada mulher começa o ano com grandes esperanças e sonhos sobre o que vai acontecer ao longo dos próximos 12 meses … mas todos eles fazê-lo ao altar?

Espero que gostem!

Beijos,

Thálita Montenegro é formada em licenciatura plena em pedagogia, pós-graduada em Educação Especial e professora. Criou o blog Thah de Pavulagem em 2011 por amar escrever e compartilhar suas experiências. Paraense, 27 anos, sagitariana, louca por livros, academia e tudo do universo feminino

VEJA TAMBÉM